quarta-feira, 9 de março de 2016

Guia das uvas: Tannat


Tannat é uma uva tinta superior da família da Vitis vinífera, originária de Madiran, sudoeste da França. Hoje é conhecida mundialmente como uma uva emblemática do Uruguai

Ficou recentemente muito em foco, depois que estudos médicos constataram que a Tannat é a uva com maior quantidade de resveratrol, um polifenol que tem características anti-cancerígena e anti-envelhecimento.


Principais regiões de cultivo:

É a grande uva adotada pelo Uruguai, que possui uma extensa área de vinhedos dessa casta e produz vinhos encorpados, saborosos e marcantes a partir da Tannat.

No entanto tem bons exemplares do Sudoeste da França, sua origem.Também podemos encontrá-la em outros países como Argentina, Chile, Africa do Sul, Austrália, Itália e E.U.A.

É cultivada no Brasil nas regiões da Serra Gaúcha e Campanha Gaúcha.


Características:

O nome da uva  não esconde sua principal característica: alto volume de taninos. A Tannat e a Baga (Portugal) estão entre a uvas com maior concentração de taninos no mundo. Dá origem a vinhos "fortes", de muito caráter, bastante corpo e estrutura, e grande intensidade de cor. Precisam ser bem trabalhados para não serem desagradáveis e duros. Pode formar vinhos com grande potencial de envelhecimento e que evoluem muito bem com o carvalho.

Seus aromas comuns lembram frutas vermelhas maduras, como ameixas, tâmaras e figos, e o contato com carvalho proporciona toques de baunilha, coco, chocolate, charuto, café, entre outros.

Na boca geralmente apresenta grande volume, com boa estrutura e finais de boca prolongados. O paladar inconfundível lembra um pouco a Merlot, mas com mais acidez (suave) e menos açucares, dando a nítida sensação de adstringência dos supertananinos presentes em profusão.


Harmonização:

Sua melhor companhia é a parrilha uruguaia. Seus taninos harmonizam muito bem com as carnes gordurosas, como o churrasco dos pampas gaúchos.

Também vai bem com costela no bafo, ou um simples frango assado, com polenta e agrião. Pato assado com purê de batatas e cubos de queijo amarelo (gruyére ou provolone), couve fresca refogada. Presunto cru ou cozido, e pizza margherita ou calabresa.


A Bardot sugere alguns vinhos com a casta Tannat, que fazem parte do seu portfólio:

Gran Tannat Premium Montes Toscanini
Elegido Reserva Cabernet - Tannat - Merlot 2013
Elos Touriga Nacional - Tannat 2009 (Lidio Carraro)




Fontes:
www.simplificandovinho.com.br
www.academiadovinho.com.br

Serviço:

Bardot - Vinhos e Artes
Rua Barão de Mesquita, 978 A. Praça Verdun, Grajaú, Rio de Janeiro.

Fale conosco:
Telefone: (21) 2575-9395

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...