terça-feira, 19 de abril de 2016

Aconteceu na Bardot... Palestra e degustação de vinhos sul-africanos

Bardot - Vinhos e Artes

No último sábado, dia 16 de Abril, foi a vez de degustarmos os vinhos sul-africanos, especificamente os da vinícola Nederburg. A apresentação ficou por conta da sommelière Juliana Gonçalves.




Antes de começar a degustação, Juliana fez um rápido histórico sobre a África do Sul e as características geo-climáticas da região, que fazem dos seus vinhos tão especiais. 

Foram sete vinhos - sendo 1 rosé e 6 tintos - que agradaram bastante. Vamos a eles:



O primeiro vinho servido foi o Nederburg Rosé Pinotage 2015. Um vinho de cor rosa com reflexos alaranjados, destacando-se os aromas de frutas vermelhas como morango. De corpo médio e excelente acidez. Perfeito para se degustar à beira da piscina. Pode ser servido como aperitivo ou acompanhando salmão defumado, saladas de verão e pratos vegetarianos. Já é um ´´clássico`` da Bardot e o agradou bastante o público presente naquela tarde quente do outono carioca.


Já entre os tintos o páreo foi bem duro. O Nederburg Foundation Cabernet Sauvignon 2015 se apresentou bem encorpado, com aromas de frutas maduras, especiarias e chocolate, com nuances de carvalho ao fundo. Já o Foundation Pinotage 2015 tem textura macia, bom corpo e taninos redondos, destacando aromas de frutas negras e ameixa. Vinhos perfeitos para se degustar no dia a dia. 

Nos tintos da linha Winemaster´s, alguns dos melhores momentos da tarde/noite. O Cabernet Sauvignon 2013 tinha um nariz convidativo, com toque de cassis e cereja. Na boca encorpado e com taninos finos, O Winemaster´s Pinotage 2013 mostrou aromas de frutas negras (ameixa e cereja) e especiarias. Na boca era encorpado e com acidez equilibrada.

Por fim os tops da linha Manor House. Começamos com o Cabernet Sauvignon 2008. Intensamente aromático, lembrava frutas negras, chocolate e café. De médio corpo a encorpado, acidez média, seus taninos eram maduros, com especiarias no final de boca. E fechando a noite com chave de ouro, o Manor House Shiraz 2008, de corpo médio e acidez alta, destacando aromas de especiarias (cravo e canela), taninos bem estruturados e e com retro-olfato de frutas e carvalho.

Ao final, a decisão de qual era o melhor vinho ficou bem dividida, mas o público elegeu o Winemaster´s Pinotage 2013 como o melhor vinho da noite. Uma ótima degustação!!!


Não deixem de participar de nossos próximos eventos. Cadastre seu email com nossa equipe ou fique ligado nas divulgações nas redes sociais.



Serviço:

Bardot - Vinhos e Artes
Rua Barão de Mesquita, 978 A. Praça Verdun, Grajaú, Rio de Janeiro.

Fale conosco:
contato@bardotvinhoseartes.com.br
Telefone: (21) 2575-9395

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...