terça-feira, 25 de outubro de 2016

Dicas da Bardot: As diferenças entre vinho natural, orgânico e biodinâmico

Bardot - Vinhos e Artes

As práticas sustentáveis têm ganhado força no Brasil e no mundo. A tendência de consumir alimentos orgânicos, aqueles produzidos sem agrotóxicos, só cresce. No universo vinícola não poderia ser diferente, com apostas cada vez maiores nos denominados vinhos orgânicos, naturais e biodinâmicos. 


Tradicionais países viticultores, como Espanha, França e Portugal, vêm investindo muito nessa vertente nos últimos anos. Mas qual a diferença entre eles??

Qualquer tipo de vinho pode ser produzido sem pesticidas, sejam tintos, brancos, espumantes ou fortificados. Os considerados orgânicos são aqueles elaborados exclusivamente com uvas que não receberam agrotóxicos, pesticidas, herbicidas.

VINHO ORGÂNICO

Os vinhedos que produzem este tipo de vinho dispensam todos os tipos de pesticidas, fungicidas ou qualquer outro agrotóxico. Estima-se que cerca de 2 mil aditivos podem ser usados em uma produção convencional, entretanto, numa atividade vinícola orgânica, até os fertilizantes químicos são substituídos por adubo natural. A produção de vinhos orgânicos representa, hoje, cerca de 4% da fabricação mundial da bebida.


VINHO NATURAL

O que caracteriza um vinho natural – que pode ser produzido a partir de uma agricultura orgânica ou biodinâmica – é a ausência de leveduras ou aromatizantes artificiais. Por um lado, a falta desses conservantes pode reduzir o tempo de vida da bebida. Por outro lado, como ele não possui compostos químicos, a chance de o consumidor sofrer com dores de cabeça no dia seguinte são menores.

A proposta é manter as características naturais da uva. Como não passam por nenhum tipo de filtragem, esses vinhos costumam ser mais escuros e espessos. Para acentuar o sabor, devem ser consumidos depois de decantados. 

VINHO BIODINÂMICO

A proposta biodinâmica para a produção de vinhos vai além da técnica agrícola convencional: esta é uma filosofia em que a biodiversidade ao redor da vinícola é completamente respeitada. Nesse modelo de agricultura, a natureza se ajuda: os chás naturais auxiliam na mineralização do solo, a plantação de rosas entre as videiras controla a proliferação de pragas e o engarrafamento do vinho é feito de acordo com os ciclos lunares: tudo garante o completo equilíbrio do solo. Por seguir esse ciclo que elimina os produtos sintéticos, a agricultura biodinâmica é responsável pela produção dos vinhos mais intensos, saudáveis e saborosos do mundo.


A Bardot costuma ter em seu portfólio alguns rótulos de vinhos orgânicos, como por exemplo os da Vinícola chilena Emiliana. Clique aqui para saber mais sobre ela.





Leia também:

Fontes:
www.adegadovinho.com.br
www.comidasebebidas.uol.com.br
www.blog.artdescaves.com.br



Serviço:


Bardot - Vinhos e Artes
Rua Barão de Mesquita, 978 A. Praça Verdun, Grajaú, Rio de Janeiro.

Fale conosco:
contato@bardotvinhoseartes.com.br
Telefone: (21) 2575-9395

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...