terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Guia das uvas: Cabernet Franc

Bardot - Vinhos e Artes



Uva de aromas intensos e boa estrutura, parente da Cabernet Sauvignon, a Cabernet Franc é uma das mais antigas cepas da região francesa de Bordeaux, onde tem atualmente a terceira maior extensão de vinhedos. 

Frequentemente está presente em assemblages com outras uvas, É uma das seis uvas permitidas nos cortes de Bordeaux, ao lado da Cabernet Sauvignon, Merlot, Malbec, Carmenère e Petit Verdot.


Bardot - Vinhos e Artes


Características da casta:

É muito resistente e não excessivamente produtiva. Amadurece cerca de uma semana antes da Cabernet Sauvignon, o que lhe confere adaptação a regiões um pouco mais frias, como o Vale do Loire por exemplo. 

Apresenta cachos pequenos e de cor violeta profunda, os seus bagos também são pequenos, redondos e delicados.

Seus vinhos geralmente não têm cor muito profunda, exibem corpo leve ou médio, bom frescor e textura macia. O aroma é pronunciado com frutas negras, como ameixa, framboesas e groselha, também violetas, algo mineral (conforme a região), pimenta, herbáceo e florais. O estágio em barricas pode destacar aromas de baunilha, chocolate, tabaco, coco e terrosos. 

Devido a seu sabor frutado com toque de especiarias, a Cabernet Franc é usada principalmente na formação de cortes com outras uvas, para incluir sabor e textura ao vinho. 





Principais regiões de cultivo:

A Cabernet Franc tem presença forte em Bordeaux (França), por participar no corte da região (corte bordalês). Também produz excelentes exemplares varietais (vinhos feitos apenas com uma uva), principalmente no Vale do Loire, onde é a uva tinta principal.

Também é encontrada em países como Canadá, EUA, Itália, Chile e Argentina. Foi muito usada no Brasil até a década de 70, passando depois disso a ser substituída por outras variedades. Essa casta perdeu espaço para outras, principalmente, por ser de baixa produção, apesar de ser bastante resistente e ter um sabor característico.

Podemos achá-la em regiões com clima tropical, como Tanzânia e Indonésia, e outros países com produções menores, tipo Paquistão e Turquia.




Harmonização:

A Cabernet Franc possui uma grande possibilidade de harmonização com comida. Indicada para acompanhar pratos de peso médio ou leve, por exemplo carne vermelha grelhada ou assada sem molhos densos, por exemplo: filé mignon assado com manteiga e ervas finas, lombo de cordeiro assado ao molho de hortelã, pimentões recheados com carne moída, sopa de lentilhas com presunto defumado, escalope de avestruz com risoto de funghi secchi.. Outra dica é comida árabe e pizzas. 


A temperatura de serviço de um vinho Cabernet Franc que realça todos os seus aromas e sabores está entre 15° e 17°.




A Bardot indica o Angelica Zapata Cabernet Franc Alta safra 2011, que apresenta uma cor vermelha rubi com suaves tons violáceas. Possui aroma intenso e concentrado com notas de cassis, groselhas maduras, e toques de baunilha e especiarias doces como pimenta preta e cravo da índia. De entrada doce e excelente estrutura em boca, exibe frutos vermelhos maduros com marcados toques a eucalipto e pimenta preta. Este vinho, de excelente balance e elegância, neste momento possui um final bem estruturado e persistente. À venda por R$175,99


Leia também:


Fontes:
www.simplificandovinho.com.br
www.sommelierwine.com.br
www.adegadovinho.com.br


Serviço:
Bardot - Vinhos e Artes
Rua Barão de Mesquita, 978 A. Praça Verdun, Grajaú, Rio de Janeiro.

Fale conosco:
contato@bardotvinhoseartes.com.br
Telefone: (21) 2575-9395

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...